5 Actividades Para Quem Gosta De Estar Sozinho

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017


Recordam-se da minha participação no projecto ACMA, no mês passado? A verdade é que a experiência e o vosso retorno foram tão bons que decidi participar novamente este mês, com o tema Sentimentos. Como a Ju do blog Cor Sem Fim nos disse, falar de sentimentos é mais do que falar em amor ou paixão. É também abordar temas como "medo, receio, nervosismo ou ansiedade".

Durante vários anos fui uma pessoa bastante tímida. Na verdade, ainda o sou, mas de uma forma diferente. Conhecer pessoas novas assustava-me um pouco, fazia-me sentir ansiosa. Como tal, sempre gostei de estar isolada no meu canto. Em criança adorava brincar sozinha e hoje, em adulta, continuo a apreciar o tempo que passo comigo mesma.
Mas é bom estar sozinho? Como se pode passar o tempo sem a companhia de outros seres humanos? Neste post poderão ficar a conhecer 5 Actividades Para Quem Gosta de Estar Sozinho, as minhas favoritas!

Actividades
Fonte: Cult Pens

Livros de colorir para adultos/Desenhar

Eu sei que os livros de colorir foram moda há uns tempos, mas tirando esse factor, acreditem que é mesmo uma actividade relaxante. Desde pequena que adoro colorir, mal ou bem, mas adoro. Posso até dizer que um dos meus grandes desgostos é não saber desenhar e poder fazer as minhas próprias obras. No entanto, há que pensar positivo: pelo menos há gente fantástica que pensa em nós e que cria livros que nós podemos pintar.
Não é um hobby caro: basta arranjar um livro (ou imprimir imagens na internet) e ter um conjunto de lápis ou canetas de cor. Os desenhos obrigam-vos a abstraírem-se da realidade e esquecerem os problemas, enquanto o tempo passa sem darem conta.
Se quiserem uma sugestão de livros bons para comprar, posso-vos sugerir os da autora Johanna Basford e os da Millie Marotta. Ambos têm ilustrações lindas, especialmente os da primeira :)


Actividades
Fonte: aqui

Ler um livro

Livros, outra das minhas grandes paixões! Os meus pais sempre me leram histórias quando eu não era capaz de o fazer sozinha. Quando aprendi na escola, nunca mais me pararam. Os livros fazem-nos viajar por mundos fantásticos, viver a vida de outras pessoas. Fazem-nos sonhar sem limites! Para além disso, melhoram muito as nossas capacidades de escrita e o nosso vocabulário.
Vejam o meu caso: recentemente comecei a ler livros em inglês e, desde aí, desenvolvi bastante a língua. Tenho muito mais facilidade em manter um discurso corrente, uma vez que o meu vocabulário aumentou significativamente.


Actividades
Fonte: aqui

Fazer desporto

Não, não vos vou sugerir nenhum desporto colectivo, onde tenham de interagir com outras pessoas... A verdade é que hoje em dia é tão fácil exercitarem-se sem terem de estar com mais alguém.
O mais fácil de todos é, muito provavelmente, a corrida. Precisam apenas de umas sapatilhas, das vossas roupas antigas de educação física e das ruas ao vosso dispor.
Se, tal como eu, não são adeptos de correr, então sugiro que façam uma pequena visita ao nosso grande amigo Youtube. Lá poderão encontrar vídeos de fitness, yoga, pilates, entre tantas outras modalidades que os youtubers têm para nos oferecer. Não acreditam em mim? Procurem e irão ver que não estou a mentir :)


Actividades
Imagem pesquisada através do google

Fazer um curso online/Seguir um DIY

Porque não começar um curso online? Querem aprender o nível básico de alguma língua estrangeira? Porque não visitam o Duolingo? Preferem explorar outra temática? No Coursera, por exemplo, também podem encontrar alguns cursos gratuitos.
Se estas opções não vos agradam, mais uma vez podem recorrer ao Youtube, onde irão encontrar tutoriais de várias temáticas. Foi assim que aprendi a mexer em softwares de edição de fotografia e de vídeo. Variedade de temas não falta.
Para além disso, podem sempre procurar vídeos de DIY (Do It Yourself) e aproveitar os materiais que já não usam para a criação de novos projectos.


Actividades
Fonte: aqui
Actividades
Fonte: aqui

Criar um bullet journal ou um diário artístico

Conhecem o conceito de bullet journal? É basicamente um método de organização em que misturam as funções de uma agenda com as de um bloco de notas. Precisam de um caderno, uma caneta e pouco mais. Vantagem? Podem começar em qualquer altura do ano, sem a "obrigação" de preencher todos os dias.
Podem utilizar para planear os vossos dias, para registar informações importantes ou as estatísticas das vossas redes sociais, fazer várias checklists, apontar os vossos gastos, controlar as séries que estão a seguir, entre outras funções. Só precisam de ter imaginação.

Não sentem necessidade de planear os vossos dias? Porque não criam uma espécie de diário criativo com frases que vos marcam, imagens, desenhos feitos por vocês, letras de músicas, entre outras coisas? Vão estar a investir tempo num projecto que mais tarde poderão recordar :)
E pronto, estas são 5 actividades que gosto de fazer quando me apetece estar sozinha. Actualmente, ler, colorir e criar diários artísticos têm sido as minhas favoritas. E vocês, o que gostam de fazer quando estão sozinhos?


Lista de criadores:

Gostaram desta publicação para o projecto ACMA e gostavam de participar? Qualquer blogger ou youtuber poderá fazê-lo através do email corsemfim@gmail.com. Do que estão à espera? :)

Beijinhos, 
Daniela

20 Produtos Comprados E Recebidos Nos Últimos Tempos

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Olá meus queridos, tudo bem convosco?

Já ando há algum tempo para fazer um post com os produtos que comprei e recebi desde Dezembro, mas ainda não tinha conseguido reunir a maioria das coisas para tirar fotos (é o que dá andar sempre entre duas casas). Hoje trago-vos finalmente e espero que gostem :)

Produtos

Produtos

Prendas de natal. A minha irmã deu a camisola e os meus pais o anel da pandora. O anel já o namorava desde o verão e a camisola fez-me render assim que a vi: é super quentinha e macia.

Produtos

As botas foram oferta da minha avó, mas escolhidas por mim. Já há imenso tempo que queria umas botas over the knee e tenho estado apaixonada por estas.

Produtos

Prenda de natal do namorado. Acertou em cheio no cheiro do creme e do perfume. Já o chocolate veio porque ele sabe que sou uma gulosa incurável :p

Produtos

Máscara e champô oferecidos pela Embelleze. O champô já utilizava mas a máscara é a primeira vez que experimento. Assim que tenha uma opinião formada vou falar sobre ela aqui no blog.

Produtos

De mim para mim veio uma máquina fotográfica compacta. Embora tenha a reflex, já me fazia falta uma máquina pequena que possa transportar diariamente na mala. Assim torna-se mais fácil fotografar alguns outfits e gravar vlogs.

Produtos

Sou uma fã incondicional de pantufas quentes e com formatos divertidos. Comprei estas patas para ter na casa dos meus pais e, nos meus avós tenho uns unicórnios que não consegui fotografar. Pareço uma miúda pequena, eu sei :P

Produtos

Quem já me costuma acompanhar há algum tempo, sabe que sou uma fã incondicional de livros. Sempre que posso vou comprando um ou outro para juntar à minha colecção. São das melhores companhias que tenho nas minhas viagens de transportes :)

Produtos

Tinha o meu roupeiro de inverno totalmente desfalcado. Precisava de camisolas quentes e até luvas me faziam falta. Comprei estas duas e, para ser honesta, a bege foi das minhas melhores compras de sempre. A Zara não é nada barata, mas a qualidade desta camisola tem sido inegável.

Produtos

Outra das coisas que me andava a fazer falta era uma carteira. Na Parfois encontrei esta e adorei! Não é fácil encontrar uma carteira que tenha a quantidade de arrumação que preciso, mas esta não desiludiu.
Os batons e o perfume foram um miminho para mim própria. Irei falar sobre estes mates da Avon em breve :)


Estas foram as minhas compras e recebidos do mês de Dezembro e Janeiro. Espero que tenham gostado.
Vocês aproveitaram os saldos?

Beijinhos 
Daniela

Lojas Online | A Minha Experiência Com A Shein

sábado, 28 de janeiro de 2017

Olá meus queridos, tudo bem por aí?

Recentemente estabeleci uma parceria com a Shein e tive a oportunidade de ficar a conhecer melhor o seu funcionamento. Nunca tinha encomendado nada nesta loja, mas a verdade é que já tinha ouvido falar imenso dela. Num mundo de tantas lojas online, por vezes, torna-se difícil escolher em qual delas devemos comprar. Fiquem então a conhecer melhor a Shein e a minha opinião sobre a forma como processam as encomendas.

Lojas
esquerda: link | centro: link | direita: link


Lojas
esquerda: link | centro: link | direita: link


Lojas
esquerda: link | centro: link | direita: link

Como podem ver pelas imagens, eles vendem peças que são tendências bem actuais. Têm uma variedade de escolha enorme, sendo que conseguem encontrar produtos mais caros e outros mais baratos. Na Shein têm a oportunidade de comprar peças muito semelhantes às que existem em algumas lojas físicas como a Zara, mas com preços bem mais simpáticos. 

Como funcionou o processo de encomenda?
Rápido! Muito rápido mesmo. Só para terem noção, a encomenda foi feita na semana do natal e uns dias depois já cá estava. Foi tão rápida que eu nem sequer estava a contar receber nada nesse dia.
A qualidade da peça que recebi também me surpreendeu bastante pela positiva, mas isso irei falar-vos melhor quando fizer um post a mostrar o vestido.


Vocês já conheciam a Shein? Qual a vossa opinião sobre estas lojas online?

Beijinhos, 
 
Daniela

1º ACMA | (Re)Começar Depois Da Universidade

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Janeiro é um mês de (re)começos e é exactamente com este tema que me estreio no projecto ACMA – A Cultura Mora Aqui. Trabalhar em conjunto com outras bloggers é sempre um prazer e, para quem ainda não conhecer o projecto, aconselho-vos a ler esta introdução.

Hoje trago-vos uma reflexão e com ela a hipótese de ficarem a conhecer um pouco mais sobre mim :)

ACMA
Imagem retirada do Pinterest e adaptada por mim

Há um ano atrás estava a passar por uma fase complicada: tinha terminado a faculdade, o estágio curricular e já estava em casa parada há um mês. Quando saímos da faculdade, saímos cheios de sonhos e esperanças, mas a verdade é que, muitas vezes, o emprego de sonho não surge assim tão rapidamente.
Se no primeiro mês sabe bem estar a relaxar dos 15 anos de estudo, a partir daí começamos a encarar a nossa casa como a nossa prisão intelectual. Estar desempregado é um desperdício das nossas capacidades.

O meu primeiro emprego surgiu ao fim de 6 meses de procura, enquadrado na minha área. Posso dizer que Junho de 2016 foi o mês do meu (re)começo! Muito mudou em mim, embora a embalagem permaneça igual. Começar a trabalhar não nos traz uma independência total e imediata, mas faz-nos começar a viver.

Até ao momento em que entramos no mundo do trabalho, somos seres dependentes de alguém. Ter dinheiro ao fim do mês faz-nos ter uma maior liberdade de escolha. Embora sempre tenha sido uma pessoa poupada (e continuo a ser) sabe-me bem não ter de carregar o peso da preocupação de poder estar a sobrecarregar os meus pais.
Hoje em dia já tenho a hipótese de fazer as minhas poupanças, de sonhar com o futuro e traçar planos mais concisos. Quero começar a viajar e a conhecer o mundo. Quero ter o meu próprio espaço. Quero investir em mim. Quero (re)começar a viver!

Com isto tudo, quero apenas dizer-vos que o caminho nem sempre é fácil quando saímos da faculdade. No entanto, não desistam dos vossos objectivos. Não cruzem os braços, nem se sintam derrotados. O percurso, por vezes, é sinuoso e demorado, mas mais tarde ou mais cedo alcançamos aquilo que procuramos. Lutem pelo vosso (re)começo assim como eu lutei pelo meu!


Blogs que participam no ACMA - Janeiro:


Se quiserem participar, poderão obter mais informações com a organizadora, através do email corsemfim@gmail.com. Qualquer blogger/youtuber pode juntar-se a este projecto :)

Beijinhos,
Daniela

Review | Cabelo Mais Saudável? Escovas The Wet Brush

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Olá meus queridos, tudo bem convosco?

Por aqui os dias têm sido cansativos, mas têm corrido bem. Aproveitei para sair um pouco e descontrair, o que me cortou uma parte do tempo para actualizar o blog. Hoje, como estou de folga, aproveito para preparar este e outro post que devia ter saído esta semana.

Nunca fui uma pessoa que ponderasse muito na hora de escolher uma escova de cabelo: optava pela que fosse fácil de pegar e não me arranhasse o couro cabeludo. Na altura em que surgiram as Tangle Teezer estudei-as bastante e só depois comprei uma. São boas, mas a verdade é que não são práticas para pegar. Foi então que surgiram as The Wet Brush e, após ouvir falar imenso delas, decidi comprar uma. Hoje, depois de já ter comprado várias, trago-vos a sua review :)

Review

As Wet Brush são conhecidas por serem escovas que desembaraçam sem dor, evitando assim a queda e a quebra de cabelo. Elas possuem cerdas com flexibilidade inteligente, que massajam e estimulam o couro cabeludo. São óptimas para os dias de sol à beira mar ou na piscina e podem ser utilizadas tanto em cabelo seco como em cabelo húmido. Além disso, é bastante eficaz no uso de extensões e perucas para o cabelo. Há uma variedade de modelos, tamanhos e cores.

Review
As minhas duas escovas (actualmente já tenho mais uma pastel)

A minha opinião:
A primeira que comprei foi a The Wet Brush Rectangular Pneumática. Como tem várias perfurações na parte de trás, é ideal para quem pretende usar no duche: não vai reter água dentro da escova. Depois dessa já obtive os modelos Pastel e Metallic, tanto para mim, como para oferecer.

Todas elas me agradaram imenso pela forma como respeitam o nosso cabelo. Tornam o processo de escovagem muito mais simples e suave. As cerdas são macias e flexíveis mas não é por isso que deixam de escovar e desembaraçar. Eu tenho muito cabelo, grosso e volumoso e estas escovas conseguem tirar-lhe os nós sem grandes dificuldades, deixando-o macio e brilhante. Desde que comecei a utilizar, que notei que o cabelo se parte menos enquanto o escovo.

Review
A escova e o seu acessório de limpeza

Qual a grande diferença entre a The Wet Brush e a Tangle Teezer?
Na minha opinião, é a forma como pegamos na escova. A Tangle Teezer não nos permite ter tanta firmeza a segurar na escova. Eram várias as vezes em que a deixava cair da mão, especialmente quando utilizava produtos no cabelo. Com a The Wet Brush não tenho esse problema. Como possui um cabo, conseguimos segurar bem sem deixar escorregar.
Ambas são boas, mas tendo em conta que a The Wet Brush é mais prática e mais barata, é sem dúvidas a minha escolha preferida.

Podem encontrar os vários modelos na Pluricosmética, a partir de 7,90€ (as mais pequenas, próprias para andar na mala, são ainda mais baratas).


(Este post não é patrocinado pela Pluricosmética. Todas as escovas foram compradas por mim. Refiro esta loja por ser a única onde já vi à venda)

Beijinhos, 
Daniela